Como conseguir o primeiro emprego

COMPARTILHE
Primeiro emprego

O término do ensino médio é a porta de entrada para a vida adulta. Pode parecer assustador, mas é verdade.

Portanto, é neste momento que você fará a escolha da sua carreira e, obviamente, a procura do primeiro emprego.

Mas calma, apesar de difícil, é possível, e você vai saber como a seguir.

O desafio do primeiro emprego

Imagine ter que convencer uma empresa a te dar uma oportunidade, mesmo se você não tiver experiência? É realmente desafiador.

É por este motivo que causar uma boa primeira impressão é primordial.

Já ouviu aquele ditado que diz: a primeira impressão é a que fica? Pois bem, neste caso realmente será a diferença entre você ou seu concorrente conquistar a vaga.

A importância de causar uma boa impressão

Afinal, por que causar essa boa impressão logo de cara é tão importante?

Bom, para começar, já na entrevista você irá concorrer com outras pessoas. Além disso, você poderá disputar o cargo com alguém que já tem experiência.

Portanto, causar uma boa impressão e mostrar ao recrutador que você pode ser uma ótima escolha para a empresa é essencial.

Você sabia que coisas simples como conhecer os principais produtos ou serviços da empresa podem fazer uma enorme diferença? Muitos entrevistadores observam esses detalhes.

E mesmo que não questionem a respeito, ao mostrar que você realmente quis conhecer seu futuro local de trabalho demonstra interesse.

Bem simples, não? Pois é, mas acredite, vários candidatos deixam passar batido.

Então, a partir deste momento, encare a pesquisa sobre a empresa como algo básico, assim como saber o endereço e como chegar até lá.

Entrevista para primeiro emprego
Antes da entrevista, faça uma pesquisa sobre a empresa com o intuito de saber quais são seus principais produtos ou serviços, bem como os valores e missão da organização.

Dicas para conseguir seu primeiro emprego

Agora vamos às dicas para você conquistar seu primeiro emprego.

1. Invista em cursos

Se tem uma coisa que agrada (e muito) os recrutadores são os cursos no currículo.

Mesmo que você nunca tenha trabalhado, os cursos podem ser grandes aliados neste momento.

Caso você esteja seguro sobre qual carreira seguir, procure expandir seus conhecimentos na área. Dessa forma, você pode compensar a falta de experiência.

A boa notícia é que hoje em dia existem aos montes cursos profissionalizantes (presenciais e online).

Então é possível se aprimorar sem sair de casa, sem falar nas diversas opções de cursos gratuitos.

Algumas dicas importantes:

  • Inclua no currículo todos os cursos realizados.
  • Trabalhos voluntários também contam como experiência e passam uma boa imagem.
  • Mencione os projetos que você tenha participado na escola ou faculdade, como feiras, iniciação científica, apresentações, etc.

Veja Também: Importância dos cursos online para a carreira

2. Cuidado com as Redes Sociais

O que antes era sequer uma realidade, hoje as redes sociais interferem diretamente em um processo seletivo.

Não é a toa que frequentemente as empresas solicitam os perfis das redes sociais dos candidatos. Essa é a nova cara do mercado de trabalho e é preciso ficar atento.

Por este motivo, tome muito cuidado com o que você posta nas suas redes e até o linguajar que usa por lá.

Se algum compartilhamento que você fez for contra os valores da empresa, você pode ser eliminado da seleção.

Algumas dicas para aplicar na redes sociais:

  • Tente se diferenciar com publicações relevantes;
  • Evite posts polêmicos que possam atrapalhar sua imagem;
  • Busque falar de assuntos relacionados ao seu campo de atuação.

Veja Também: Erros que você deve evitar no Linkedin

3. Crie uma rede de contatos

Não fique a mercê apenas dos portais de emprego, cultive seus próprios contatos e desenvolva seu networking.

Converse com amigos e parentes que já trabalham. Eles podem te dar dicas de processos seletivos abertos ou mesmo te indicar para alguma oportunidade.

Outra dica importante é criar um perfil no LinkedIn e participar de grupos. Não esqueça de manter seu perfil atualizado com todos os cursos e experiências que você for conquistando.

Em conclusão, não deixe de se cadastrar em sites de empregos. Preencha o perfil com todos os dados e acompanhe os anúncios de vagas periodicamente.

Veja Também: Como desenvolver seu marketing pessoal

4. Se prepare para a entrevista de emprego

A maioria dos candidatos perdem oportunidade na hora da entrevista porque não sabem se portar nesta ocasião. Isso é normal, se for seu primeiro processo seletivo. Porém, não deixe de aprender com seus erros.

A dica de ouro é: seja você mesmo e tente saber tudo sobre a empresa antes da entrevista.

À primeira vista pode não parecer importante, mas como já dito, essa é uma questão muito valorizada pelos recrutadores.

Não esqueça de descrever suas qualidades e fraquezas, bem como seus objetivos pessoais e profissionais de forma bem clara.

Igualmente, demonstre otimismo e interesse pelos valores da companhia. Outro ponto importante é mostrar segurança nas respostas.

Sabemos que no começo é difícil, mas com o tempo você vai pegando prática.

Veja Também: Dicas para sua primeira entrevista de emprego

5. Aprenda com os erros

Ser reprovado em um processo seletivo é normal, mas sabemos como isso é realmente frustrante.

Por outro lado, ao invés de olhar isso de forma negativa, tente aprender com os “nãos”. Dê uma olhada no seu currículo, talvez seja preciso mudar algo que o deixe mais atraente.

E quanto aos seus objetivos, é isso mesmo que você quer? Você ainda tem dúvidas sobre a profissão escolhida?

Quem sabe expandir para outros setores seja uma boa ideia. Assim você pode aumentar suas chances de conseguir um emprego.

Veja Também: Como desenvolver a inteligência emocional

Portanto, não tenha medo, afinal este é o momento para você experimentar. Esteja sempre disposto a aprender, dessa forma você estará mais preparado no futuro.

Em resumo, conseguir o primeiro emprego não é tarefa fácil, mas não é impossível.

Dedique-se e esteja sempre por dentro das novidades, principalmente do segmento que deseja trabalhar. Isso já é meio caminho andado.

Agora é só encaminhar seu currículo. Boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *