Habilidades necessárias para ser gerente

COMPARTILHE
Habilidades necessárias para ser gerente

Para ser um gerente não basta apenas ser promovido, embora isso seja um passo essencial.

Trata-se também de garantir que você possa lidar com o novo papel e as responsabilidades, que frequentemente são bem diferentes do que você está acostumado.

Mas ninguém nasce com habilidades de gestão e liderança, elas devem ser aprendidas.

À medida que você passa de membro da equipe para gerente, o cenário muda. Agora não é mais sobre você, é sobre tirar o máximo e o melhor de outras pessoas.

Para ajudar você a progredir para uma posição mais elevada, preparamos algumas dicas para você desenvolver as habilidades necessárias para ser um gerente de sucesso.

1. Conheça seus pontos fortes e fracos

Quando você é promovido e alcança uma posição mais elevada na empresa, é uma boa ideia ter consciência de seus pontos fortes e fracos.

Mas o que isso significa? Você deve saber o que faz você funcionar, como você trabalha melhor.

À medida que você progride, é essencial saber quais são seus pontos fracos, como você se comunica e o que te deixa satisfeito, para citar alguns exemplos. Caso contrário, você sempre buscará isso nos outros.

Uma boa maneira de trabalhar nisso é procurar feedback e saber ouvir. Esse feedback fará com que você melhore seus resultados e corrija possíveis erros.

Mas lembre-se: é importante ter a vontade de ouvir como os outros podem enxergar você.

2. Seja um tomador de decisões

Como gerente, você deve estar disposto a tomar muitas decisões e frequentemente você terá que indicar uma direção.

Na era do Google, muitas vezes achamos que há uma resposta certa para tudo, então é comum procurar por mais informações para resolver um problema.

Mas à medida que você está crescendo profissionalmente, não basta ter a melhor resposta. Você precisa apontar uma direção, afinal, nem sempre você terá muito tempo para tomar decisões.

Muitas vezes você terá que tomar uma decisão imperfeita, com base no que você sabe no momento, para que as pessoas ao seu redor sigam em frente.

Em retrospectiva, você pode não estar 100% correto, mas se você não seguir em frente, você não pode coletar os dados para saber disso.

Acredite: muitas empresas vivem “andando em círculos” porque ninguém quer se comprometer com uma decisão.

3. Domine a gestão do tempo

Quando você é um membro da equipe, grande parte do seu trabalho é reativo e baseado em tarefas. Desta maneira, seu escopo de trabalho é definido e limitado.

Mas como gerente, muitas vezes chega um ponto em que você não pode fazer tudo em 40 horas por semana, então você precisará ser bom na gestão e priorização de tempo.

Pode ser um pouco desconcertante, porque há sempre coisas que você não conseguiu finalizar, há sempre coisas que você gostaria de ter feito. Afinal, o nível de pressão e cobrança de um gerente é maior.

Isso também é verdade na sua vida pessoal. Você terá que trabalhar duro para estabelecer limites em torno das coisas que são valiosas para você.

Por exemplo, se é importante para você fazer uma aula de yoga três dias por semana, você tem que ficar confortável estabelecendo esses limites e saindo do escritório um pouco mais cedo.

Veja Também: Como lidar com a pressão no trabalho

4. Saiba delegar

Da mesma forma que você precisa saber administrar o tempo, é preciso ter a capacidade de delegar o trabalho. Contudo, esta pode ser uma transição estranha.

Um funcionário normal é julgado pelo seu desempenho pessoal. Mas, como gerente, você será julgado pelo desenpenho da equipe e até pelo nível de satisfação da equipe.

Pode ser bem difícil para novos gestores se verem como valiosos quando estão produzindo menos.

Mas é importante saber como fazer isso, já que você não pode fazer tudo sozinho. Por isso, a delegação de tarefas faz parte do seu trabalho.

Pode ser um desafio entrar no trabalho todos os dias, participar de reuniões e sair com instruções e direcionamentos para a equipe. É uma coisa difícil de se acostumar.

Veja Também: Dicas para ser um bom gestor

5. Desenvolver habilidades de comunicação

Como alguém que agora está gerenciando uma equipe, é crucial que você seja bom em se comunicar sobre o trabalho, prazos e priorização de tarefas.

Se você torna tudo urgente, é difícil para as pessoas decidirem o que precisa ser feito. As pessoas não são leitores de mentes.

Contudo, você precisa tirar uma ideia de forma eficaz e eficiente da sua cabeça e colocar na de outra pessoa.

É preciso ser claro, para que seus funcionários saibam o que é importante, o que precisam fazer, e como você espera que seja feito.

Outra habilidade importante para gestores é ser um bom questionador e ouvinte. Sempre verifique com as pessoas para ter certeza de que elas entendem o que você está dizendo.

As pessoas vão ter perguntas, e isso deve ser incentivado. Se você faz sua equipe se sentir mal por fazer perguntas, eles podem tomar decisões ruins por não saberem o que fazer exatamente.

Veja Também: Como fazer reuniões produtivas

6. Saiba gerenciar

Ser um gerente muitas vezes significa que você tem pessoas abaixo de você e acima de você. Por isso, você deve ser capaz de gerenciar em ambas as direções.

É igualmente importante, se não mais importante, saber lidar com seu gerente. Você deve ter certeza que seu gerente sabe o que está acontecendo.

Lembre-se: gestão de expectativas é tudo! Isso significa aprender como seu gestor gosta de se comunicar e como ele gosta de receber notícias e atualizações.

Outro ponto importante é entender a política da empresa. Ser capaz de navegar na cadeia hierárquica é importante para gestores novos e experientes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *