Descubra como desenvolver e usar a criatividade no trabalho

COMPARTILHE
Criatividade no trabalho

Imagine o seguinte cenário: você se destacando em um ambiente empresarial tão concorrido para ganhar aquela desejada promoção ou contrato importante com certa facilidade e tendo sucesso resolvendo os “pepinos diários” mais difíceis. Parece até um sonho, não é?!

A verdade é que existe uma habilidade que você pode desenvolver para conseguir tudo isso, sem precisar de diploma.

Cada vez mais, as empresas têm valorizado essa habilidade, às vezes mais até que um diploma de faculdade. Você deve estar se perguntando: Que habilidade é essa?

É a boa e velha criatividade! Uma habilidade que pode ser treinada para que você possa tirar o máximo proveito e não acabar travado nos problemas diários no trabalho.

É isso que você vai aprender neste post: como desenvolver e usar a criatividade no trabalho.

O que é criatividade

A criatividade é a capacidade de criar, de produzir ou até inventar coisas novas. É também a capacidade de transformar situações e mudar o modo de agir.

Muitas vezes é vista como um dom, algo que nasce com você para que seja colocado em prática. Mas a verdade é que a criatividade é uma habilidade que pode ser treinada e aperfeiçoada por qualquer um.

Criatividade é a arte de conectar ideias
Qualquer pessoa pode treinar e aperfeiçoar a criatividade.

Como desenvolver a criatividade no trabalho?

Esta é uma habilidade que requer esforço para desenvolvê-la, ou seja, no fim das contas não é válido dizer que está em uma crise criativa, tem que suar a camisa e beber de várias fontes de informação, mesmo que não sejam diretamente relacionadas ao seu trabalho.

Então, confira algumas dicas de como ser mais criativo no seu trabalho:

1. Saia da sua zona de conforto

O primeiro passo para o processo de desenvolvimento da criatividade é sair da sua zona de conforto. Dessa forma você ganha novas perspectivas que podem trazer insights poderosos.

Tente coisas como:

  • Conhecer pessoas diferentes.
  • Networking com outros profissionais.
  • Ir a feiras, masterminds e outros eventos profissionais.
  • Ler livros de temas variados.

Tudo isso vai te ajudar a entender melhor todo o contexto e te dar um novo olhar sobre as situações do dia a dia no seu trabalho.

Veja Também: Como ter Boas Ideias

2. Anote todas as suas ideias

Para propor novas ideias, você precisa estar por dentro de tudo o que envolve o seu setor de atuação, então conheça o seu produto como ninguém, fique de olho na concorrência e mantenha-se atualizado.

A partir daí, anote todas as ideias que tiver, sem julgamentos.

Esteja aberto a ideias novas e evite pensar apenas no problema em si, imagine uma conversa formal e qual a solução sairia disso, ótimas ideias podem sair daí.

Você pode carregar um bloquinho de anotações ou anotar tudo no seu app preferido de anotações no celular, afinal, nunca se sabe quando você pode ter aquela ideia brilhante.

“Se quiser ter uma boa ideia, tenha uma porção de ideias.”

Thomas Edison

3. Avalie e valorize as suas ideias

Com tudo anotado, é hora de avaliar as possibilidades, mas, lembre-se: Ideias muito criativas podem te assustar em um primeiro momento, valorize a sua ideia e a apresente para os seus colegas.

Faça-os analisar a possibilidade real daquela ideia, mesmo que pareça distante e sem medo de ser motivo de piada.

A análise e exclusão de ideias faz parte do processo criativo.

Se você acredita no potencial da sua ideia, seja confiante e colete os feedbacks para comparar com o que você imaginou que seria inicialmente.

Veja Também: Como fazer Brainstorming

Você pode usar um software de mapeamento mental, como o MindMeister.

O mapeamento mental é uma técnica poderosa que ajuda você a visualizar seus pensamentos e comunicá-los às outras pessoas. Além disso, o mapeamento mental incentiva um fluxo livre de ideias, o que o torna o formato ideal para sessões de brainstorming e solução criativa de problemas.

MindMeister

Concluindo

A criatividade é uma habilidade que exige um processo contínuo de aprendizagem.

Não é um dom, pode sim ser adquirida e aprimorada, por isso é importante que você esteja sempre se desafiando.

Lembre-se também que parte essencial do processo é o descanso e o lazer, afinal, uma mente descansada é muito mais produtiva!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *