Como fazer uma carta de apresentação

COMPARTILHE
Carta de apresentação

Quando estamos buscando um novo emprego, a carta de apresentação é possivelmente a parte mais subestimada de todo o processo de recolocação, e um dos motivos é que muitos profissionais não sabem 100% como escrever uma.

Uma carta de apresentação bem escrita é a maneira perfeita de se destacar e ter mais chances de ter o currículo lido e convencer o recrutador de que você é a pessoa certa para o cargo.

Entenda a importância e saiba como fazer uma carta de apresentação, passo a passo.

O que é uma carta de apresentação

A carta de apresentação é o texto ou mensagem de apresentação que acompanha o currículo quando você se candidata a uma vaga.

Esse documento, que costuma ter entre 150 e 500 palavras, é o primeiro ponto de contato entre você e o responsável pelo recrutamento.

Atualmente, como a maioria dos currículos são enviados através de email, o corpo da mensagem funciona como carta de apresentação. Nos casos onde um currículo impresso deve ser entregue ao recrutador, a carta deve ser anexada ao CV, geralmente como capa.

Enquanto o objetivo do currículo é dar uma visão geral de seus conhecimentos, habilidades e sua experiência, a carta de apresentação deve transmitir mais personalidade, e ser específica para a vaga que você está se candidatando.

Veja Também: O que evitar na elaboração do currículo

Qual a importância da carta de apresentação

A carta é uma ótima oportunidade de destacar algumas áreas que você considera importante para o cargo.

É onde você deve apresentar principalmente quem é, o que é capaz de fazer e qual é sua motivação para se candidatar à vaga.

O objetivo da carta de apresentação é fazer com que o recrutador tenha interesse em ler o seu currículo e considere você para uma entrevista.

Nem todas as empresas exigem carta de apresentação quando o profissional se candidata a uma vaga, porém, essa é uma excelente maneira de se diferenciar dos demais candidatos.

Dicas para escrever uma boa carta de apresentação

Não existe um modelo oficial para a carta de apresentação. O mais importante é que a carta deve ser visualmente organizada e apresentar as informações de forma ordenada.

Uma carta de apresentação bem elaborada deve conter o seguinte:

  • Uma boa introdução.
  • Exemplos específicos e organizados de trabalhos relevantes para o cargo e problemas resolvidos.
  • Uma conclusão concisa com uma chamada para ação.

Vamos às dicas:

Crie uma carta específica para a vaga que está se candidatando

Para ter mais chances de atrair a atenção dos recrutadores, você deve fazer uma carta de apresentação específica para cada vaga que se candidatar. A carta deve mostrar que você sabe o que o trabalho envolve e o que o empregador está procurando.

Para fazer isso, seja específico sobre suas habilidades e qualidades. Você também precisa mostrar como eles atendem às necessidades do trabalho ou da organização.

Saiba a quem dirigir

Tente não endereçar sua carta usando o “Para quem possa interessar”. Descubra o nome da pessoa responsável pela seleção. Isso pode exigir um pouco de esforço, mas vale a pena.

Se você ficou sabendo da vaga através de um anúncio, quase sempre tem o nome da pessoa responsável. Se não for o caso, entre em contato com a empresa ou o anunciante da vaga e pergunte a quem enviar o currículo. O telefone é a melhor forma para fazer esse contato, mas um e-mail também pode resolver.

Se a empresa exigir um tratamento mais formal, não use o nome da pessoa, e sim “Sr.” ou “Senhora” e seu sobrenome. Você pode descobrir isso visitando o site da empresa ou verificando as redes sociais.

Conheça mais sobre o trabalho

É uma ótima ideia saber mais sobre a empresa e a vaga que você está se candidatando. Você pode buscar mais informações no site, nas redes sociais da empresa ou através de outros funcionários.

Entrar em contato com o responsável para fazer algumas perguntas também é uma opção, mas talvez não seja tão prática, já que muitas vezes os recrutadores não possuem tempo livre para responder as dúvidas dos candidatos antes da entrevista.

Quais informações sobre a empresa buscar? Algumas ideias são:

  • O trabalho envolve trabalhar como parte de uma equipe?
  • Para quem eu estaria reportando se conseguisse o emprego?
  • Qual o tipo de pessoa que a empresa está procurando?

Anote todas as respostas a essas perguntas, pois elas podem ser usadas em sua carta de apresentação.

É óbvio mas vale a pena lembrar: Leia atentamente a descrição da vaga. Se não ficar claro quais os requisitos, tente descobrir.

Saiba o que incluir na carta de apresentação

Aqui está uma lista de itens que você deve incluir em sua carta de apresentação:

Seu nome e detalhes de contato

Coloque seu nome e detalhes de contato na parte superior da sua carta de apresentação. Você não precisa fornecer seu endereço residencial, mas precisa incluir seu email e número de telefone.

Falando em e-mail, ele deve transmitir uma imagem profissional. Não use um endereço de e-mail como princesinha91@email.com ou pedrinho22@mail.com.

O cargo que você está se candidatando

No início da sua carta, você precisa dizer para qual vaga está se candidatando. Você pode fazer isso em uma linha.

Por exemplo: “Em relação à posição de gerente de vendas.

Você também pode fazer isso no parágrafo de abertura. Veja o exemplo:

“Estou escrevendo para me candidatar à posição recentemente anunciada de Controlador de Estoque”.

Uma lista de suas habilidades relevantes

Inclua um breve resumo sobre como suas habilidades e experiências que correspondem à descrição da vaga. Você pode usar uma pequena lista de marcadores para deixar a leitura mais agradável.

Se você estiver respondendo a um anúncio de emprego, pode haver uma descrição do cargo que lista habilidades e experiências essenciais. Também pode ter uma lista de habilidades e experiências “desejáveis”.

Sua carta de apresentação precisa responder a todos os itens da lista “essencial”. Você também deve responder a quantos itens puder na lista “desejável”.

Lembre-se: Se você diz que tem uma habilidade ou experiência, precisa mostrar como a usou ou como a adquiriu. Por exemplo, se você diz que possui habilidade de gestão de equipes, mencione alguns empregos em que tenha usado esta habilidade.

Um resumo de por que você está certo para o trabalho

Depois de listar suas habilidades e experiências, você deve explicar porque você é adequado para o trabalho. Um bom exemplo seria:

“Minha capacidade de me relacionar com alguém e minha experiência na solução de problemas do cliente em um ambiente de varejo me torna ideal para esse trabalho”.

Peça que eles entrem em contato com você

Sua carta de apresentação deve terminar pedindo ao recrutador que leia seu currículo. Também deve pedir que entre em contato com você sobre uma entrevista.

Tente algo simples como: “Anexei uma cópia do meu currículo. Estou ansioso para ouvir de você sobre este trabalho”.

O que você não deve incluir em sua carta de apresentação

Há algumas coisas que não devem constar na sua carta de apresentação. Alguns erros que você deve evitar:

Erros de digitação

Verifique sempre a ortografia da sua carta de apresentação. Use um corretor ortográfico e leia em voz alta para ter certeza que o que escreveu faz sentido.

Outra dica é pedir para algum amigo ou parente ler e apontar erros ou coisas que ficaram confusas.

Usar ‘EU’ demais

Tente não usar frases como ‘eu acredito’, ‘eu tenho’ e ‘eu sou’ em excesso. Você não pode esquecer que a carta de apresentação não é sobre você, e sim sobre como você pode ajudar a empresa.

Incluir todo o seu currículo

Não recorte e cole seu currículo em sua carta. Tente reformular e resumir as informações do seu currículo, em vez de apenas repetir tudo.

Dica: Mantenha sua carta de apresentação curta e deixe que seu currículo conte toda a história.

Usar frases prontas

Você gostaria de se destacar? Então faça uma carta de apresentação única.

Uma carta genérica sempre irá conter expressões muito usadas, como “Obrigado por dedicar um tempo para examinar meu currículo” ou “Acredito que meu conjunto de habilidades me faça uma ótima opção para o trabalho“.

Essas frases prontas só diminuem suas chances de conseguir o emprego.

Aqui estão algumas frases que fazem com que os recrutadores percam o interesse:

  • “A quem possa interessar”
  • “Não tenho certeza se você sabe”
  • “Dinâmico”
  • “Por favor sinta-se livre”
  • “Pensar fora da caixa”
  • “Iniciante”
  • “Orientado a detalhes”
  • “Pensador avançado”
  • “Realmente, verdadeiramente, profundamente”

Os recrutadores passam por centenas de cartas de apresentação e estão cansados desses clichês. Eles esperam por algo novo e original, e esta é uma ótima oportunidade para você se destacar.

Incluir informações irrelevantes

Nunca inclua informações irrelevantes em sua carta de apresentação. Informações que não são importantes podem confundir ou entediar o recrutador, fazendo com que ele perca pontos importantes na sua carta. Lembre-se: Ninguém gosta de perder tempo.

1 Response

  1. Carla Mendes 10/06/2020 / 01:07

    Adorei as ideias. Me ajudou bastante na escrita da carta de apresentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *