Dicas para sua Recolocação Profissional

Recolocação Profissional

Buscar emprego não é uma tarefa fácil. Elaborar o currículo, procurar vagas, participar de entrevistas (às vezes uma, duas, três para uma mesma vaga), dinâmicas de grupo, testes… Sim, realmente é uma tarefa árdua, mas a sensação de conquistar o objetivo é ótima, não é mesmo?

Contudo, é necessário levar em consideração que nos últimos tempos as exigências na hora da contratação estão cada vez maiores e preparar-se para o mercado de trabalho tornou-se fundamental na hora de buscar recolocação.

Ao iniciar o processo de recolocação profissional é importante estar atento aos seguintes fatores:

Elaboração do currículo

Saber elaborar o currículo pode parecer, a princípio, uma tarefa fácil, porém há uma série de informações e detalhes que podem colaborar para que você seja convocado para uma entrevista.

Há dois pontos cruciais para isso: objetividade e clareza. Significa que é necessário detalhar as informações de modo que o leitor compreenda facilmente suas qualificações e habilidades.

Imagine que o recrutador recebe centenas de currículos diariamente e que no processo de triagem ele precisa visualizar os dados principais de forma rápida. Por isso é importante fazer do currículo o seu cartão de visitas constando: Seus contatos e dados pessoais, as datas de entrada e saída de cada empresa, realizações e resultados alcançados em cada emprego (Procure focar nas últimas três experiências), bem como sua formação, cursos e/ou certificações. Foto não é necessário, a menos que esteja candidatando-se a uma oportunidade que faça esta exigência.

Confira este post que apresenta uma fórmula simples para melhorar o currículo.

Busca pelas oportunidades

O momento de buscar pelas oportunidades requer certa disciplina. Atualmente muitas empresas têm suas oportunidades divulgadas pelo próprio site institucional ou por sites especializados de empregos. São poucas as empresas que ainda recebem currículo físico.

Aqui vai uma dica essencial: procure manter seu currículo virtual sempre atualizado. Faça uma busca pelos principais sites de empregos e cadaste-se. Esteja sempre atento às divulgações e candidate-se às oportunidades que realmente estiverem de acordo com o seu perfil.

O mesmo vale para as oportunidades divulgadas em blogs, grupos ou LinkedIn. Muitos recrutadores utilizam estas fontes para anunciar oportunidades e há muitas opções de sites regionais também.

As agências de empregos ou consultorias de RH também divulgam oportunidades através da internet, vale a pena buscar pelas principais e manter seu cadastro atualizado. Sua oportunidade dos sonhos pode estar divulgada numa delas!

Outra dica importante: No momento de enviar o currículo, descreva no título do e-mail ou do site a vaga ou área do seu interesse.

Em meio a tantos currículos recebidos, você pode deixar de ser visto simplesmente por não enfatizar tal informação.

É interessante também escrever um texto breve de apresentação, afinal, numa busca rápida o recrutador pode facilmente se interessar pelo seu currículo.

Veja também os erros que você deve evitar no Linkedin.

O processo seletivo

Se você foi convocado para a etapa presencial, ótimo. Agora é o momento para mostrar suas competências e habilidades. Pode ser em uma dinâmica de grupo ou mesmo numa entrevista individual. Cada seleção terá uma forma de avaliação.

Convém ressaltar que o processo seletivo serve basicamente para buscar o candidato que se adequa melhor à oportunidade. Por isso, não há fórmulas mágicas para que você seja aprovado (infelizmente), mas certamente sua apresentação, postura e sua comunicação serão avaliadas pelo selecionador.

O importante é apresentar-se de forma adequada, agir com tranquilidade e segurança, falar com propriedade sobre suas experiências, qualificações e obviamente, sobre si mesmo!

Nos próximos posts iremos falar mais sobre processo seletivo e recolocação profissional. Não esqueça de deixar seu comentário abaixo.

Siga o Carreira Fácil no Twitter: @carreirafacil

4 Responses

  1. Simon Rodrigues 6 de março de 2017 / 20:51

    Acredito que é na elaboração do currículo que muitos candidatos erram. Parabéns pelo post!

  2. Carlos Britto 9 de outubro de 2015 / 21:16

    Ótimas dicas. Realmente muito úteis, ainda mais em tempos de desemprego.

  3. Thais Mello 4 de junho de 2015 / 03:42

    Boas dicas para enfrentar essa difícil tarefa que é buscar um novo emprego.

  4. Simone 22 de maio de 2015 / 02:54

    Dicas excelentes que tornam todo o processo de busca de emprego mais fácil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>