Erros no currículo que prejudicam o candidato

Erros no Currículo

Muitas vezes, apesar do candidato possuir as qualificações necessárias, ele não é chamado para a entrevista por causa de erros no currículo.

Um bom currículo é o fator mais importante para o agendamento da entrevista. Ele é a carta de apresentação do profissional.

O CV deve ser elaborado de uma forma pessoal e precisa prender a atenção do recrutador que quase sempre não tem muito tempo devido à grande quantidade de candidatos.

Erros no currículo que você deve evitar

A seguir listamos alguns erros no currículo que podem prejudicar o candidato na busca do novo emprego.

Erros de Gramática e Ortografia

Erros de gramática e ortografia no currículo são imperdoáveis. Isso demonstra que o documento foi elaborado sem cuidado.

Currículos com erros de português dificilmente passam pela triagem dos recrutadores.

Revise atentamente o texto várias vezes para evitar erros de português. Problemas de digitação também devem ser corrigidos.

Utilize um corretor ortográfico e peça também para alguém ajudar na revisão.

O candidato deve ter cuidado também com a linguagem. Evite o uso de pronomes pessoais nas frases, como por exemplo “eu desenvolvi um projeto”, substituindo por algo como “desenvolvimento de projeto”. O uso excessivo do pronome “eu” pode passar a ideia de um profissional prepotente e egocêntrico.

Falta ou Excesso de Dados Pessoais

Não incluir informações importantes como endereço, idade e contatos pode prejudicar o candidato. As chances do recrutador descartar um currículo por não encontrar as informações pessoais são altas.

Por outro lado incluir informações demais é tão ruim quanto apresentar poucas. É desnecessário incluir no currículo números de documentos como CPF, RG e Título de Eleitor.

Caso não seja solicitado, a foto também pode ser dispensada. Se for necessário incluir foto, opte por uma com visual profissional.

É muito importante manter as informações como telefone e email atualizadas. Se o recrutador não conseguir contato com o candidato, com certeza o seu currículo será descartado.

Mentiras

Dizer que você fala inglês fluentemente quando o seu nível é intermediário, por exemplo, é um erro grave.

O candidato até pode conseguir ser chamado para uma entrevista, mas o erro será desmascarado depois de algumas perguntas ou teste prático.

Seja sempre verdadeiro e ressalte seus pontos fortes. Não invente informações só para deixar o currículo mais completo.

E-mail informal

Usar apelidos no endereço de e-mail transmite falta de profissionalismo. Caso não tenha outro e-mail, o indicado é criar um novo, exclusivo para o trabalho.

Se possível, utilize um provedor conhecido e tente usar apenas nome e sobrenome. Evite qualquer tipo de piada com o nome de usuário, como: “joaolove@xyz.com.br” ou “minagata@xyz.com.br”.

É importante lembrar que antes de ler o seu CV, o recrutador verá o seu e-mail.

Tamanho exagerado

Currículos extensos dificultam a localização de informações importantes. Lembre-se que o seu currículo precisa chamar a atenção do recrutador no curto tempo em que ele realiza a análise.

Currículos com mais de duas páginas normalmente são considerados extensos. Para um candidato em início de carreira, uma página é suficiente.

Procure ser sucinto e descreva apenas o que realmente interessa para ganhar a atenção do recrutador.

Evite incluir informações como viagens de lazer ou cursos irrelevantes. Justificativas e motivos de saída dos empregos anteriores também devem ser evitados. Esses assuntos devem ser mencionados durante a entrevista, caso o recrutador pergunte.

Lembre-se que você não é o único candidato à vaga. Seja objetivo e destaque as informações relevantes para a vaga. As informações devem ser claras e concisas para atrair a atenção do recrutador.

Salário

Informações como salários anteriores e pretensão salarial devem ser tratadas no momento da entrevista. Caso solicitado, adicione a pretensão salarial no corpo do email.


Gostou das dicas? Deixe seu comentário e fale sobre outros erros no currículo que prejudicam o profissional na busca do novo emprego.

2 Responses

  1. Eliete silva 18 de agosto de 2016 / 19:01

    Muito boa suas orientações, porém estão pedindo bastante a pretensão salarial, e ficamos em dúvida sobre colocar o valor, pois queremos o emprego. E também a questão da quantidade de páginas do currículo, tenho vários cursos que totalizam cinco páginas no currículo, todos na área de minha especialização, o que faço?

  2. Evaldo Rafael Batista 6 de junho de 2016 / 20:50

    Boa noite,

    Sou Técnico em Segurança do Trabalho e quero agradecer pelas dicas de erros no curriculum, já montei e formatei meu curriculum inúmeras vezes e confesso que ainda não estou satisfeito, entre os requisitos, algumas empresas focam bem em atividades substanciais outras pedem certificações e experiência no seguimento.

    Bom de qualquer forma agradeço…

Deixe uma resposta para Evaldo Rafael Batista Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>